Línguas

Interestingly Portuguese, is one of the most widely spoken languages in the world, in Europe is still the less translated language  (English)
Il est intéressant que le Portugais, une des langues plus parlées dans le monde, en Europe est toujours la langue moins traduit...(Français)
Es interesante que el portugués, uno de los idiomas más hablados en el mundo, en Europa es todavía la lengua menos traducida (Castellaño)
È interessante notare che il portoghese, una delle lingue più parlate nel mondo, in Europa è ancora la lingua meno tradotta (Itália)
Interessant ist die Portugiesen, eine der am häufigsten gesprochenen Sprachen der Welt, in Europa ist immer noch die Sprache weniger übersetzt (Deutsch)
Curiosamente o Portugués, unha das linguas máis faladas no mundo, a nivel europeo e das súas capitais continua a ser a lingua menos traducida (Galego)
Intressant den portugisiska, en av de mest talade språken i världen, i Europa är fortfarande det språk som översätts mindre (Svenska)
És interessant que els portuguesos, un dels idiomes més parlats al món, a Europa és encara la llengua traduïda menys (Catalá)
Интересно, что португальский, одним из наиболее широко распространенным Языки в мире, в Европе и ее столица по-прежнему является язык менее переводится (русский язык)


A cultura dum povo é sem dúvida uma fonte inestimável de riqueza. E Portugal, como país quase milenar e com as fronteiras definidas há mais tempo tem um vasto espólio pela riqueza da sua História que muitas vezes ignora ou simplesmente não preserva. A história é émula do tempo, repositório dos factos, testemunha do passado, exemplo do presente, advertência do futuro

Nenhuma realidade é mais essencial para a nossa autocertificação do que a história. Mostra-nos o mais largo horizonte dum povo, oferece-nos os conteúdos tradicionais que fundamentam a nossa vida, indica-nos os critérios para avaliação do presente, liberta-nos da inconsciente ligação à nossa época e ensina-nos a ver o homem nas suas mais elevadas possibilidades e nas suas realizações imperceptíveis. Os Estados Unidos é um país com um índice económico elevado mas apresenta uma certa inveja das culturas Europeias e Orientais por ter uma História mais recente e consequentemente mais pobre. Os turistas americanos na sua maioria são grandes adeptos do turismo histórico cultural. Mas é na língua que está a sua alma é o espelho de uma nação. Os ingleses com a criação do seu vasto império e da sua forma expedita em negociar perceberam-no e inicialmente através das relações comerciais que faziam enalteceram a sua língua conseguindo em detrimento doutras a sua globalização.

A linguagem é como uma pele: é com ela que se estabelece contactos e comunicação sendo ela assim uma fonte de riqueza. Os espanhóis só muito recentemente valorizaram este fenómeno e conseguem ser actualmente a 3ª língua mais falada do mundo (em virtude da primeira ser a chinesa motivada pela elevada população que este país tem). O francês durante muitos anos foi a língua associada à cultura e à ciência mas com o decorrer dos tempos tem vindo a perder terreno perante o inglês e o castelhano e fica muito a par do Português: Curiosamente o Português, uma das línguas mais faladas no mundo, a nível Europeu e das suas capitais contínua a ser a língua menos traduzida, revelando incapacidade por parte do ministério dos negócios estrangeiros pouca incisão no tema, assumindo-nos como um país submisso, acontecendo o mesmo relativamente ao turistas que nos visitam porque em nome da hospitalidade não difundimos algo que é muito nosso que é a língua portuguesa.

A língua é sem dúvida muito importante, é um dos últimos redutos dum povo, daí que alguns povos e comunidades defendam com fervor as suas línguas como acontece aqui ao lado em Espanha com o Catalão, o Basco ou mesmo o Galego. Os ingleses até promovem o turismo de língua para difundirem o seu inglês. A língua, por assim dizer, é o espaço social das ideias há que a defender e difundir, todos nós lusófonos ficaríamos mais ricos, talvez seja esse o quinto império que Fernando Pessoa falava, a nossa língua: O português.

Pensem nisso

António Veiga

3 comentários:

Selene disse...

Ciao,
Ho deciso di lasciare un commento nel post sulle lingue, e dirti che se capissi il portoghese, troverei temi interessanti per me in questo tuo blog.
Complimenti per il tuo italiano, sei sempre benvenuto a leggere i miei post.
Un grande saluto italiano!
P.S. Adoro il Portogallo, anche se non ci sono mai stata. E' il mio sogno visitare un giorno Lisboa!

Veiga disse...

Lisbona è una molto piccola rispetto al resto del Portogallo

OLIVER ÁLVAREZ BARRANCO disse...

Olá Veiga, como non podería ser doutro xeito aquí estou, de visita pelo teu blog, en galego, língua da que se que gostas e que non deixa de unirnos na lusofonía. Grazas pela túa visita ao meu blog, grazas pela invitación.
Todo empeza e remata pela língua que escollemos para viver e para amar.
Agardo contar contigo como seguidor do meu blog, eu voltarei aqui para seguir compartillando con vos este espazo, esta xanela que abres ao mundo.
Unha aperta e grazas.
http://oliveralvarez.blogspot.com/

Enviar um comentário

 
Home | Gallery | Tutorials | Freebies | About Us | Contact Us

Copyright © 2009 Devaneios de Vida |Designed by Templatemo |Converted to blogger by BloggerThemes.Net

Usage Rights

DesignBlog BloggerTheme comes under a Creative Commons License.This template is free of charge to create a personal blog.You can make changes to the templates to suit your needs.But You must keep the footer links Intact.