Portugal que o mundo desconhece

Portugal discovered new worlds to the world, it is time the world find a bit of Portugal. Today I invite you to watch the video I publish here below to better understand this country.
Portugal a découver de nouveaux mondes au monde, il est le temp que le monde découvre un peu de Portugal. Aujourd'hui, je vous invite à regarder la vidéo que je publie ci-dessous afin de mieux comprendre ce pays.
Portogallo scoperto nuovi mondi al mondo, è tempo del mondo, trovano un po 'di Portogallo. Oggi vi invito a vedere il video che pubblico qui sotto per capire meglio questo paese.
Los portugueses descubrieron nuevos mundos al mundo, que es el tiempo del mundo a encontrar un poco de Portugal. Hoy los invito a ver el video que publicamos a continuación para comprender mejor este país. 
  
Hoje vou publicar um vídeo abaixo para que o mundo inteiro saiba um pouco mais de Portugal, este pequeno país deprimido e empurrado pelo mundo financeiro para uma crise (às quais os políticos não estão isentos de culpa). Um país pequeno que se extende pelo mar adiante onde ganhou projecção e História, por isso vejam este vídeo e complementem saberes que muitos concerteza não imaginavam aqui terem nascido ou criados. Se os portugueses descobriram o mundo começa a ser tempo do mundo descobrir o bom que Portugal e os portugueses têm..E, tanto desconhecimento de Portugal, limitando-se aos relatórios do FMI e às taxas de juro da dívida soberana. Por essa Europa fora, Portugal, o meu país, o nosso país, passou a ser tema de campanha eleitoral. Passou a ser verbo impresso em outdoors de eleições. Não somos nem pretendemos ser o escárnio da economia nem tão pouco ser bodes expiatórios para outros povos..
A maioria dos portugueses acomoda-ae com esta situação mas isso também é uma características dos portugueses dizerem mal do que é seu ou nem sequer o valorizarem, acreditando e aceitando de bom grado qualquer linha de moda, pensamento importada do exterior. A mudança para um Portugal mais próspero começa de facto com os portugueses e não apenas nas medidas económicas a que muito se cingiu o discurso do presidente da República, é preciso defender de facto o que é nacional e enterrar duma vez por todas o sebastianismo, pois não haverá manhã de nevoeiro que traga D. Sebastião num corcel branco nem sequer as nossas soluções se limitam ao que vem do exterior. Temos de acreditar, mudar, produzir e todos esses verbos que ultimamente se repetem à exaustão mas, sobretudo temos de ter identidade e orgulho dum passado, não somos o melhor país mas não seremos concerteza o pior, porventura seremos diferentes e é nessa diferença que devemos crescer enquadrados numa economia global cada vez mais cega e de costas viradas para as pessoas e para os povos limitando-se apenas aos interesses. O mundo desconhece Portugal, não é por causa do país mas mas dos políticos  e empresários que tivemos que se extenuam na salvaguarda das suas clientelas e interesses e dos portugueses que esquecem de se projectar na sua diferença  no mundo como já o fizeram ou fazem agora quando emigram. Portugal tem algo muito precioso: a sua História e ela não pode ser uma âncora que nos prenda ao passado mas uma alavanca que nos empurre para o futuro. O vídeo que vos convido a ver, "O que os finlandeses não sabem sobre Portugal' foi o vídeo que o presidente da Câmara de Cascais inesperadamente apresentou no encerramento das Conferências do Estoril, onde estiveram presentes nomes como o prémio Nobel egípcio Mohamed ElBaradei, o jornalista norte americano Larry King, o economista, também norte-americano, Francis Fukuyama ou o antigo primeiro-ministro francês Dominique de Villepin. É atitudes como estas que todos precisamos e nunca nos encolhermos por semos um pedaço pequeno de território mas temos um povo com alma grande e tal como diz o nosso Fernando Pessoa: " Tudo vale a pena quando a alma não é pequena"... Para lá do deficit actual das contas públicas parece que os Finlândeses sabem muito pouco sobre Portugal.
Não podemos continuar a a aceitar que uma grande maioria de estrangeiros nada saiba de Portugal, dos portugueses que nos associe a uma província de Espanha ou a uma cidade de Marrocos. Compete aos portugueses levar o nosse nome mais além, dar a conhecer Portugal ao mundo que descobriu, exportar a nossa língua porque ela é a nossa pele como povo (a nossa pátria como diria Fernando Pessoa), tendo os emigrantes um papel essencial em manter viva a língua aos seus descendentes, a comunidade científica portuguesa  para lá da publicação inglesa vulgarmente imposta publiquem sempre uma versão em Português. Temos defeitos e virtudes como todos os povos que dominaram um império comemtemos muitos erros mesmo nas nossas colinizações mas nunca tivemos como objectivo estratégico aniquilar povos indígenas conforme fizeram ingleses, espanhóis, Holandeses e franceses, o nosso objectivo concentrava-se na comercialização, cristianização, conquista pela descoberta marítima e só muito mais tarde a colonização propiamente dita aos quais se associaram dois flagelos graves que foi a captura e comercialização de escravos e a guerra colonial no século passado. Em vez de aniquilarmos povos misturámo-nos com eles criando os mestiços e trazendo e levando costumes. Não somos só um povo hospitaleiro somos um povo que quando empenhado sabe fazer, sabe cumprir embora com muitos descendentes disseminados pelo velho do Restelo.

Pensem nisso e vejam o vídeo que vale a pena embora esteja em inglês.


3 comentários:

Sou... disse...

Olá Veiga, que bom conhecer o seu blog. Realmente, percebi um portugal que o mundo desconhece. Voltarei sempre. Um Abraço

Valeria S. disse...

Molto interessante, non ho mai pensato che il Portogallo fosse un'appendice della Spagna, ma effettivamente è un paese poco conosciuto.
Grazie per la sua visita,
Saluti :)

Dima Krupka disse...

Muito obrigado por esta pérola da Internet XD

Enviar um comentário

 
Home | Gallery | Tutorials | Freebies | About Us | Contact Us

Copyright © 2009 Devaneios de Vida |Designed by Templatemo |Converted to blogger by BloggerThemes.Net

Usage Rights

DesignBlog BloggerTheme comes under a Creative Commons License.This template is free of charge to create a personal blog.You can make changes to the templates to suit your needs.But You must keep the footer links Intact.