Silêncios


Il existe des silences immuables, fixés dans une rigidité définitive : silence des maisons abandonnées, des grandes étendues désertes, des êtres qui n'ont plus rien à se dire.
Silence can be an act of courage but most times it is an act of cowardice.
El silencio es como el viento: atiza los grandes malentendidos y no extingue más que los pequeños.
Più che per la repressione, soffro per il silenzio del mondo.
Vizela tornou-se numa terra em que se diz à boca pequena mas de uma forma corrente a necessidade do combate à arrogância e “autismo do Poder, do favorecimento na entrada de funcionários na Câmara, a corrupção ou indícios da mesma, ordenamento e planeamento sustentado do território duvidosos, agendas culturais ecléticas. Lamenta-se a falta de iniciativa e esquecimento do Poder Central em investir no concelho porém tudo se diz em surdina ou em silêncios comprometedores. Poderá parecer à primeira vista como um comportamento inofensivo mas, nada é inofensivo. Os diálogos perdidos para ninguém, o abafo das palavras com difamação, as manifestações permanentes de discórdia imbuídas e disfarçadas na agressividade, parecem isentas da responsabilidade do pensamento e razão porque acabam por ser um momento de obstinado de estupidez, de auto cegueira insensível, mas entram também imediatamente ao serviço da exclusão e espelhando ou difundindo um espírito anti-democrático que muitas vezes engana com os silêncios que se geram e na pseudo comodidade que parecem permitir. O malevolente subsentido do conforto é já um elemento delator; nenhum pensamento é imune à sua comunicação, e basta já expressá-lo num falso lugar e num falso acordo para minar a sua verdade. A própria sociabilidade é participação na injustiça, porquanto dá a um mundo frio a aparência de um mundo em que ainda se pode dialogar, e a palavra solta, cortês, contribui para perpetuar o silêncio, pois, pelas concessões feitas ao endereçado, este é ainda humilhado (na mente) do falante. Facilmente se pode fazer demagogia confundindo cabeleireiras com serviços autárquicos, mas nas demagogias a perda nunca é duma das partes mas do todo. As sociedades organizadas têm um sistema vertical de organização na sua maioria, tal como é exemplo o sistema administrativo e autárquico, onde cada um tem funções autónomas mas enquadradas no todo e com uma orientação descendente, mas com sentido biunívoco na auscultação. Não se exige a uma assembleia de freguesia ou presidente de junta procure financiamento para uma auto estrada, mas é uma mais valia que esses consigam evidenciar ascendentemente em termos administrativos a importância do mesma para a sua comunidade, pois a sua função é aglutinadora, tal como os átomos são as forças agregante da matéria conseguida na harmonia das suas cargas estabilizar moléculas gigantes. Os silêncios nos vários pontos de decisão nesse sistema vertical pode ser tão dilacerante quanto o exponenciamento de pontos de colisão, perpetuam o individual o que devia ser individualmente transitório, nega e desactualiza o que devia ser dinamizador, e sobretudo constitui uma das causas da estagnação. É desagregante, quando se impõem que as palavras e as acções do edil sobre os acontecimentos políticos do concelho e o mesmo se cale em silêncio que nada acalma a instabilidade gerada...


Pensem Nisso

António Veiga

3 comentários:

Marcia F. disse...

E assim segue a humanidade...rs
bju querido

academico disse...

Vou deixarte um link de um outro programa de tv que fala de Portugal.

Está a falar das praias, da festa e tal de Portugal.

http://www.antena3.com/videos/arena-mix/2010-agosto-19.html

Isabel disse...

ouais, le pouvoir, toujours le pouvoir... les petites "politicailleries" comme on dit ici.

on doit voir la beauté du monde à travers ça, n'est-ce pas? Pas toujours évident, tu iras voir mon dernier post justement... amitiés,
Isabel

Enviar um comentário

 
Home | Gallery | Tutorials | Freebies | About Us | Contact Us

Copyright © 2009 Devaneios de Vida |Designed by Templatemo |Converted to blogger by BloggerThemes.Net

Usage Rights

DesignBlog BloggerTheme comes under a Creative Commons License.This template is free of charge to create a personal blog.You can make changes to the templates to suit your needs.But You must keep the footer links Intact.